terça-feira, 6 de outubro de 2009

Jonjô.

"É uma lei fundamental do Universo: nada pode ser conseguido sem uma espécie de abdicação. Porém,se você por um acaso tentar burlar essa lei, as chances de ser bem sucedido são relativamente altas.
Por isso,as coisas andam fedendo tanto."

Disse Jonjô,enquanto limpava o cu com um papel de embrulhar carne,vulgo papel higiênico econômico.
Sempre tinha ataques de reflexão quando estava expelindo alguma coisa do corpo. Suor,urina,vômito,gozo,merda,menstruação. A secreção é o de menos, é o ato de soltar alguma coisa de caráter biológico que a fazia involuntáriamente soltar algo de caráter espiritual/mental/onírico.
Um jeito todo original de ser produtiva,de qualquer maneira.

Um comentário:

Legs disse...

publicamente necessario, apesar de certas palavras não mudarem os sentidos mudaram completamente... escritores são uma merda, só sabem pseudopalavrear/pseudofilosofar.
enfim... eu sentia falta das suas palavras. não suma mais.
beijos